Escreva o nome da entidade, instituição, empresa, organização por extenso logo após a primeira menção no texto e em seguida coloque a sigla entre parênteses. Exemplos: Empresa Brasileira de Turismo (Embratur) Superintendência Nacional de Abastecimento (Sunab) Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) Use apenas as siglas já existentes ou consagradas. Não invente! Escreva em maiúsculas siglas que tenham até três letras. Exemplos: Organização das Nações Unidas (ONU) Universidade de São Paulo (USP) Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT).

Siglas com quatro letras ou mais vão em maiúsculas quando cada uma das letras são pronunciadas separadamente, pois constituídas por consoantes ou parte delas. Exemplos: Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)

Siglas conhecidas, de domínio público, não precisam ser explicadas. Exemplos: Varig (Viação Aérea Rio-Grandense) Bradesco (Banco Brasileiro de Desconto) Masp (Museu de Artes de São Paulo)

Algumas siglas podem ter maiúsculas e minúsculas em sua estrutura. Exemplos: CNPq – Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico UnB – Universidade de Brasília CBAt – Confederação Brasileira de Atletismo Siglas que formam palavras sonoras iniciam com maiúscula seguida de minúsculas. Exemplos: Federasul, Farsul, Unesco, Unicef.

Siglas de organismos estrangeiros que tiverem seus nomes traduzidos ao português devem seguir essa designação, e não a original. Exemplos: Fundo Monetário Internacional (FMI) Banco Interamericano de Reconstrução e Desenvolvimento (Bird) Organização dos Estados Americanos (OEA) Organização Internacional do Trabalho (OIT) OMS (Organização Mundial da Saúde) CMI (Conselho Mundial de Igrejas)

Há casos em que se mantém a sigla na expressão estrangeira, embora ela não traduza o nome completamente no português. Exemplos: Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) – “o” Fundo, “o” Unicef!